sábado, 30 de maio de 2009

O significado das cores

É um facto que as cores têm uma grande influência psicológica sobre o ser humano. Existem cores que se apresentam como estimulantes, alegres, optimistas, outras serenas e tranquilas, entre outros.

Assim, quando o Homem tomou consciência desta realidade, aprendeu a usar as cores como estímulos para encontrar determinadas respostas e, a cor que durante muito tempo só teve finalidades estéticas, passou a ter também finalidades e funcionalidades práticas. 

É possível pois, compreender a simbologia das cores e através delas dar e receber informações.”

http://olhandoacor.web.simplesnet.pt/significado_das_cores.htm Maio 2009

 Vejamos se a simbologia que os especialistas atribuem às cores podem, para nós, estar associadas à obra que é apresentada abaixo.

 

Santa Maria Madalena, Josefa de Óbidos, 1650. Óleo sobre cobre 22,8x18,4cm.  Museu nacional Machado de Castro

Josefa de Óbidos, nascida Josefa de Ayala Figueira (Sevilha, Fevereiro de1630 — Óbidos, 22 de Julho de 1684), foi uma pintora nascida em Espanha que viveu e produziu em Portugal. 

Foi especialista na pintura de flores, frutas e objectos inanimados. A influência exercida pelo barroco tornaram-na uma artista com interesses diversificados, tendo-se dedicado, além da pintura, à estampa, à gravura, à modelagem do barro, ao desenho de figurinos, de tecidos, de acessórios vários e a arranjos florais.

Tendo vivido quase sempre na Quinta da Capeleira, a reputação que granjeou era de tal ordem que muitos dos que iam tornar banhos às Caldas da Rainha, se desviavam de seu caminho, para irem a Óbidos cumprimentá-la.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Josefa_de_Óbidos Maio 2009


O preto está associado à ideia de morte, luto ou terror, no entanto também se liga ao mistério e à fantasia, sendo hoje em dia uma cor com valor de uma certa sofisticação e luxo. Significa também dignidade.




Sem comentários:

Enviar um comentário